• Isabella Nunes

E-mail marketing: O que é?

Você conhece o e-mail marketing? Gostaria de aumentar a interação com seu público, gerar leads e consequentemente aumentar o número de clientes? Então confere este artigo que preparamos para você!

Atualmente existem cerca de 4,3 bilhões de contas de e-mail no mundo. Devido ao seu grande alcance e por ser um dos canais mais pessoais de comunicação, o e-mail se torna uma ferramenta de grande importância para o contato entre as empresas e o público. Sabe-se que o marketing é uma das maiores estratégias para o sucesso das vendas, nesse aspecto, as plataformas digitais e redes sociais, tem papel fundamental na divulgação da sua marca e conversão de possíveis clientes.

O que é e-mail marketing?

Essa abordagem do marketing nasceu em 1978, quando Gary Thuerk, um comerciante e gerente de marketing de uma grande em empresa da época, enviou uma mensagem para mais de 400 possíveis consumidores, informando sobre a inauguração de novas lojas. No entanto, foi na década de 1990 apenas, que os profissionais da área viram no e-mail a rapidez e economia que necessitavam para investir na estratégia.

Com o passar dos anos essa técnica foi aprimorada até se tornar o que conhecemos hoje, uma forma de comunicação via e-mail que acontece entre a empresa e seus contatos, sejam eles leads ou clientes, com o intuito de aumentar o alcance das divulgações feitas pelo estabelecimento, buscar novos consumidores e ao mesmo tempo, otimizar seu relacionamento com o público. Diferente do spam, sua função é chegar até os interessados na informação que se deseja passar. Dentre os diversos modelos do e-mail marketing, alguns deles são:

  • Convite

Tem como objetivo fidelizar clientes e gerar engajamento, sendo aplicado para promover o serviço ou produto.

  • Newsletter

Possui um conteúdo mais informativo, com novidades relativas à empresa em determinado tempo.

  • E-mail promocional

É esporádico, geralmente utilizado quando existe algum lançamento ou promoção que precise ser informado com urgência.

  • E-mail sazonal

É específico para uma determinada data comemorativa, quando se pode aproveitar o que está sendo falado como uma estratégia para atrair consumidores.

Benefícios

Além de ser um meio rápido e direto, o e-mail marketing também pode gerar uma contribuição positiva à sociedade sobre ecologia, já que tanto a produção quanto a distribuição são feitas digitalmente e, portanto, quase sem utilização de recursos físicos.

Em relação à publicidade, a mensagem pode ser segmentada e personalizada, o que traz a possibilidade de atingir vários formatos para captar a atenção do cliente em potencial. Além disso, essa abordagem deve ser desenvolvida com responsabilidade e sob a premissa de permissão do consumidor, o que possibilita criar relações éticas e respeitosas.

Estatísticas de e-mail marketing

E você já se perguntou sobre o impacto que o e-mail marketing causa em empresas do mundo inteiro? Resolvemos trazer alguns.

  • Funcionários de empresas passam, em média, 13 horas da sua jornada semanal de trabalho verificando sua caixa de entrada — McKinsey & Company

  • 92% dos adultos presentes online utilizam e-mail, sendo que 61% deles utilizam diariamente. — Pew Research

  • 72% dos consumidores escolhem e-mail como o melhor canal para receber comunicações de empresas e marcas. — MarketingSherpa

  • 33% das empresas segmentam seus clientes demograficamente ou por comportamento, mantendo o contato de vendas por meio de E-mail Marketing — Demand Gen Report

  • 72% das pessoas preferem receber conteúdos promocionais por e-mail do que via redes sociais. — MarketingSherpa

  • Mais de 50% dos usuários de e-mail afirmam ler a maioria dos e-mails que recebem. — HubSpot

  • Durante a Black Friday, dia dedicado a ofertas nos Estados Unidos, o e-mail foi o maior canal de marketing, gerando 25,1% de todas as transações. — Custora

  • 44% dos destinatários de e-mail realizam ao menos uma compra por ano baseado em um e-mail promocional — Convince&Convert

Como aplicar?

É interessante criar algumas maneiras de obtenção da lista de e-mails dos visitantes e clientes. Isso pode ser feito através de ferramentas como landing pages ou formulários no blog e site da empresa. Para que seja possível alcançar os resultados desejados, é preciso ter em mente os seguintes pontos: planejamento, conhecimento de público, frequência de envio e criação de templates que sejam atrativos.

Esse contato por meio do disparo de e-mails pode ser feito a partir de uma segmentação dos contatos, dividindo em nichos, para que seja capaz de se comunicar de forma correta com cada lead. A frequência é um ponto muito importante para otimizar esse relacionamento, sendo necessário realizar um fluxo de cadência, visto que o excesso no envio de e-mails pode diminuir a taxa de leitura e a escassez de envios pode gerar o risco de desengajamento. Quanto ao conteúdo, é recomendável que não seja um texto muito extenso, para que seja mais claro e de fácil compreensão, sendo interessante a inclusão de imagens.

E você? O que acha do e-mail marketing?

Se você gostou do nosso texto, compartilhe nas redes sociais e não deixe de seguir a Núcleo Consultoria para ficar sempre por dentro de novidades! Se o nosso artigo não lhe agradou, escreva para a gente, para que assim possamos produzir conteúdos cada vez melhores! Se você se interessou pelo assunto, entre em contato conosco pelo e-mail comercial@nucleoconsultoriajr.com, temos uma excelente equipe a postos para lhe atender.

#email #marketing #emailmarketing #leads #clientes #automação #marketingdigital #alcance

  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco

2012-2020 Núcleo Consultoria. Todos os direitos reservados